sexta-feira, 12 de março de 2010

TRISTE MISSIVISTA



MUNDO, MUNDO, WEB MUNDO
FRIA LINHA DE ETERNO ESPAÇO
LEMBRANÇA TERNA DA MINA PURA
EM POUCAS OU MUITAS LINHAS ME TOCAVA FUNDO
DIZ-SE AGORA DE UM ESPAÇO INFINDO
NÃO HÁ SAUDADE NEM SENSAÇÃO PURA
APENAS UMA TRISTE E INERTE LUZ
SEM EMOÇÃO NUMA SALA ESCURA
A MUDANÇA É TÃO PRÁTICA
NUMA INVERSÃO ESQUISITA
FRIA, FRIA, UM CORPO ESTÁTICO
NÃO HÁ QUEM AQUEÇO
NA GELADA LINHA NET
O DISTANTE FICOU PRÓXIMO
O PRÓXIMO POR VEZES ESQUEÇO....


"Poema criado a partir da análise crítica da música: Technologic da banda Daft Punk"

3 comentários:

  1. Parabéns! Primeiro pelo blog...uma etapa vencida...segundo, pela criatividade poética...o que seria do mundo sem os artistas?
    Motive seus colegas a visitar e comentar suas postagens....continue postando...temos muito material para postar...
    Abraço
    Márcia

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. NOOOOOSSSSSSAAAAAAAA, QUE POEMA!!!!
    Adorei o poema, fiquei curioso para ver a peça. Quem sabe nós não organizemos futuramente um encontro com os nossos produtos artísticos em sala de aula? Uma mostra, um festival, sei lá, algo deste tipo.

    Abraços,

    ResponderExcluir